Os benefícios da amamentação: um ato de amor que conecta a mamãe ao bebê

05 de agosto de 2021 06m29s de leitura

Compartilhe

Os benefícios da amamentação: um ato de amor que conecta a mamãe ao bebê

Quando um bebê nasce ele precisa de muitos nutrientes para se desenvolver de forma saudável. Por isso, o aleitamento materno é tão importante, os benefícios da amamentação são insubstituíveis para a criança. 

No leite materno, a bebê encontra não só as substâncias necessárias para a sua nutrição, mas também anticorpos fundamentais para protegê-la no início da vida.

Além de toda a importância nutricional, o momento da amamentação exala amor, uma conexão única que só existe entre mãe e filho. 

Quer entender quais são os benefícios da amamentação, tanto para a mãe quanto para o bebê e os cuidados necessários que você deve ter? Nós trouxemos um texto rico em informações para te ajudar nesse momento, confira!

Quais benefícios a amamentação traz para o bebê? 

O leite funciona como uma vacina natural, ele não substitui o calendário básico de vacinação, mas protege a criança contra doenças comuns. Assim, o leite materno possui vários fatores imunológicos contra doenças, tais como: diarréias, infecções respiratórias e alergias. Além disso, alguns estudos sugerem que quanto mais tempo a criança é amamentada, melhor seu desenvolvimento cognitivo

Ele também é de fácil digestão para o bebê, provoca menos cólicas e a sucção colabora para o desenvolvimento da arcada dentária, da fala e da respiração

Nenhum outro alimento oferece esses benefícios!

A primeira mamada pode ser feita ainda no local do parto, nos momentos iniciais da vida do bebê, imagina ser  esse o primeiro momento de conexão fora da barriga? 

A Organização Mundial da Saúde (OMS) reconhece a amamentação como uma das práticas mais decisivas para o futuro da criança. Tanto é que recomenda o leite materno como alimentação exclusiva nos primeiros seis meses de vida e, se possível, que ele continue fazendo parte do cardápio infantil até os 2 anos. 

O leite materno é mais nutritivo?

O leite materno apresenta as vitaminas, minerais, açúcares, proteínas e gorduras necessárias para a alimentação saudável da criança.

Muito se engana quem acha que o leite materno é fraco, que é pouco para nutrir um bebê e que ele pode ficar com fome. As mulheres apresentam leite capaz de nutrir e proteger sua criança, portanto, não é necessário adicionar nenhum produto à alimentação no início da vida do seu filho. 

Benefícios da amamentação para a mãe

Muito se fala nos benefícios da amamentação para a criança, mas além disso, esse ato é muito importante para a mãe. 

  • Fazer o bebê pegar a mama logo e com frequência ajuda seu útero a se contrair, portanto, estimula a "terceira parte" do parto, que é a expulsão da placenta;
  • Ajuda a mãe reduzir o peso e a minimizar o risco de desenvolver câncer de mama e de ovário, doenças cardiovasculares e diabetes;
  • Durante a amamentação, seu corpo produz ocitocina e ela tem efeito antidepressivo. Mães com níveis mais elevados desse hormônio apresentaram menos sintomas de ansiedade e depressão;
  • Estimula o vínculo afetivo entre a mãe e o bebê.

Cuidados durante o período de lactação 

A mãe, durante a amamentação, deve ter alguns cuidados com sua saúde. O uso de álcool e drogas deve ser evitado, assim como o uso de medicamentos sem receita médica. O uso dessas substâncias podem causar sérios efeitos colaterais ao bebê.

Algumas mulheres relatam algum tipo de dor ou complicação na hora de amamentar, podem ocorrer fissuras, rachaduras, mastite, ingurgitamento e até diminuição do leite. Alguns cuidados podem ajudar a evitar esses incômodos: 

  • Direcione o bico do seio para o céu da boca do bebê para pegar corretamente o que evitará dores;
  • Troque os protetores de seios com frequência se estes ficarem úmidos, para reduzir o risco de infecções;
  • As pequenas glândulas na aréola produzem um óleo que hidrata e protege os mamilos, por isso, lave os seios apenas com água durante o banho.

Se algum problema persistir, consulte um médico. A Filóo saúde te ajuda a encontrar o profissional que você necessita para o melhor tratamento. Clique aqui e saiba mais. 

Um vínculo de amor 

A ocitocina é chamada de hormônio do amor! 

O pico de ocitocina, que ocorre durante cada mamada, ajuda a fortalecer seu vínculo com o bebê. 

É quando a mãe mantém contato visual por mais tempo, têm reações mais rápidas e acaricia mais o bebê. É um momento só de vocês dois. 

Os benefícios da amamentação fazem com que esse ato de nutrição, amor e muito carinho seja importante para a criança. Espero que o texto tenha tirado todas as suas dúvidas.

Para mais conteúdos relevantes, nos acompanhe nas redes sociais. Na dúvida, procure um profissional de saúde. E se precisar, lembre-se: conte com a gente. Cartão Filóo Saúde.